Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Conheça nossa cartilha de práticas sustentáveis em planos de saúde

Setembro 2021
Salvar aos favoritos Compartilhar

A sustentabilidade financeira do setor de saúde suplementar depende da participação dos beneficiários de planos de saúde com a adoção de boas práticas de uso dos serviços. Atento a essa demanda, o IESS acaba de lançar a cartilha de Práticas Sustentáveis em Planos de Saúde. Com linguagem acessível, o objetivo da publicação é mostrar como ações individuais equivocadas podem acarretar em desperdícios que afetam todo o setor, podendo resultar em ajustes maiores nas mensalidades.

Por exemplo, vamos pensar em um lar composto por quatro pessoas. Se todos utilizarem a energia elétrica de forma consciente, a conta será dividida de forma justa entre todos os membros. Contudo, se um indivíduo passa a usar o serviço de modo que cause desperdício, a conta será mais alta. Dessa forma, esse gasto extra será rateado entre os quatro, mas três deles terão de arcar com um valor maior do que utilizaram.

Esse mesmo exemplo se aplica aos planos de saúde. As ações individuais impactam o coletivo, seja de forma positiva ou negativa, sendo que a má utilização do benefício prejudica o mutualismo. De forma resumida, esse é o princípio básico dos planos de saúde, que se baseia em solidariedade financeira entre os segurados. Assim, todos contribuem com uma mensalidade fixa, de acordo com a faixa etária, para custear os tratamentos dos beneficiários que adoecerem.

Além disso, um dos pontos de destaque da cartilha é referente a possibilidade de reembolso da despesa fora da rede conveniada ou referenciada, que está limitada ao que estiver estipulado em contrato. É importante alertar que ações como exigir duas notas fiscais por uma única consulta ou alterar o valor do comprovante para elevar o reembolso são práticas ilegais que trazem consequências a todos usuários do plano de saúde.

Por fim, o propósito da publicação não é convencer o beneficiário a não utilizar o plano, mas sim usá-lo na medida certa: nem mais, para que você não se exponha a efeitos adversos que podem prejudicar sua saúde, nem menos porque sua saúde pode piorar.

A cartilha de Práticas Sustentáveis em Planos de Saúde pode ser baixada aqui.

IESS lança cartilha de práticas sustentáveis em planos de saúde

Setembro 2021
Salvar aos favoritos Compartilhar

Manual explica a importância da conscientização dos beneficiários para evitar desperdícios e garantir o equilíbrio econômico-financeiro das operadoras de saúde

O Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) acaba de lançar a cartilha de Práticas Sustentáveis em Planos de Saúde. A publicação gratuita busca esclarecer aos beneficiários sobre como manter o uso consciente dos produtos e serviços dos planos médico-hospitalares. Com linguagem acessível, a publicação busca apresentar o porquê da necessidade da utilização adequada dos benefícios e como o desperdício afeta todo o sistema de saúde suplementar como, por exemplo, ajustes maiores nas mensalidades.

O material também visa conscientizar a população sobre como ações individuais equivocadas afetam os demais usuários do plano de saúde, prejudicando o princípio do mutualismo. “O propósito da cartilha não é convencer o beneficiário a não utilizar o plano, mas sim usá-lo na medida certa: nem mais, nem menos. Isso é fundamental para não expor o beneficiário a efeitos adversos pelo excesso de exames desnecessários ou causar danos à saúde por falta de acompanhamento médico”, explica José Cechin, superintendente executivo do IESS.

Um dos pontos de destaque da cartilha é referente a possibilidade de reembolso da despesa fora da rede conveniada ou referenciada, que está limitada ao que estiver estipulado em contrato. A publicação do IESS explicar ao beneficiário que ações como exigir duas notas fiscais por uma única consulta ou alterar o valor do comprovante para elevar o reembolso são práticas ilegais que trazem consequências a todos os outros usuários do plano de saúde.

Com o debate cada vez mais frequente sobre a sustentabilidade econômica nas mais diversas áreas, a iniciativa do IESS tenta mostrar como o uso inteligente dos recursos médicos permite que mais pessoas tenham acesso a serviços de qualidade.

A cartilha de Práticas Sustentáveis em Planos de Saúde pode ser baixada no portal do IESS – clique aqui.

Sobre o IESS

O Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) é uma entidade sem fins lucrativos com o objetivo de promover e realizar estudos sobre saúde suplementar baseados em aspectos conceituais e técnicos que colaboram para a implementação de políticas e para a introdução de melhores práticas. O Instituto busca preparar o Brasil para enfrentar os desafios do financiamento à saúde, como também para aproveitar as imensas oportunidades e avanços no setor em benefício de todos que colaboram com a promoção da saúde e de todos os cidadãos. O IESS é uma referência nacional em estudos de saúde suplementar pela excelência técnica e independência, pela produção de estatísticas, propostas de políticas e a promoção de debates que levem à sustentabilidade da saúde suplementar.

Mais informações

LetraCerta Inteligência em Comunicação

Vinícius Silva – [email protected]

(11) 94753-8787

Thiago Rufino – [email protected]

(11) 98770-0893

Jander Ramon – [email protected]

(11) 3812-6956

X Prêmio IESS: inscrições prorrogadas

Setembro 2020
Salvar aos favoritos Compartilhar

Estão prorrogadas as inscrições para o “X Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar”. Os interessados em participar da mais importante premiação de trabalhos acadêmicos em saúde suplementar terão até o dia 15 de outubro para se inscrever. Chegando à histórica décima edição, a iniciativa conta com mais de 50 trabalhos laureados e algumas centenas de estudos avaliados. Em função da pandemia do novo Coronavírus, o evento que conta com palestras exclusivas, cerimônia de entrega dos prêmios e exibição de pôsteres de trabalhos deste ano será totalmente online.

Esse é um ano fundamental para a premiação e para o setor de saúde suplementar, já que enfrentamos a maior crise sanitária do século, o que torna o momento pertinente para uma análise retrospectiva de como o setor se comportou nesse delicado cenário, dos avanços e conquistas, mas, principalmente, dos desafios que teremos que encarar para assegurar a sustentabilidade econômico-financeira e, mais importante, a qualidade assistencial no futuro.

Na premiação principal podem ser inscritos artigos científicos e trabalhos de conclusão de curso de pós-graduação (especialização, MBA, mestrado ou doutorado) nas áreas de Economia, Direito e Promoção de Saúde, Qualidade de Vida e Gestão em Saúde. Sucesso nos últimos anos, o Prêmio volta a repetir a iniciativa de exibição de pôsteres de trabalhos.

Neste caso, além dos trabalhos de pós-graduação (especialização, MBA, mestrado e doutorado), também podem ser inscritos trabalhos de graduação (nível universitário). Os pôsteres ficarão expostos online nos canais da entidade e passa a contar com ISSN (International Standard Serial Number) para inclusão no currículo, especialmente na plataforma Lattes, utilizada por Institutos, Universidade e Centros de Pesquisa para avaliar alunos e professores.

A partir deste ano, a premiação também irá recompensar financeiramente os orientadores dos trabalhos vencedores com R$ 3 mil. Além disso, os valores dos prêmios das três categorias foram reajustados. Cada um dos primeiros colocados receberá R$ 15 mil este ano e os segundos colocados receberão R$ 10 mil.

As inscrições para o Prêmio IESS e para exibição de pôster são gratuitas e vão até 15 de outubro. Cada candidato pode inscrever apenas um trabalho na premiação. O espaço para pôsteres não possui limite para inscrição.

Veja o regulamento completo em www.iess.org.br/premio.

Webinar IESS – Hoje iremos abordar a categoria Economia do Prêmio IESS

Setembro 2020
Salvar aos favoritos Compartilhar

Continuamos nossa série de encontros com o webinar “Propostas do Prêmio IESS para assegurar a sustentabilidade do setor em tempos de crise” que irá apresentar e debater importantes aspectos para desenvolvimento do setor de saúde suplementar. O webinar acontece logo mais, a partir das 16h. Veja como participar aqui

Com medição de José Cechin, superintendente executivo do IESS, contaremos com a participação de Antonio Carlos Campino, professor da FEA-USP e avaliador da categoria Economia do Prêmio IESS; Marília Raulino Jácome, vencedora em 2018, Head da G-Sin (Startup de Gestão de Riscos na Saúde) e doutoranda em Ciências Contábeis (UFPB); e Luís Carlos Moriconi, vencedor em 2017, gerente atuarial na Unimed Fesp, atuário e mestre em economia (UFRGS).

Marília foi premiada com o trabalho “A regulação como propulsora de práticas de controle interno na saúde suplementar”, desenvolvido na Universidade Federal da Paraíba (UFP). Ela nos concedeu uma entrevista publicada aqui.  Já Moriconi, conquistou o 1º lugar no VII Prêmio IESS com a pesquisa “Assimetria de informação a partir da regulação do mercado de saúde suplementar no Brasil: teoria e evidências”. O pesquisador também conversou com a gente nesta publicação.

Ainda dá tempo de se inscrever. Já se inscreveu? Então participe com perguntas diretamente em nosso WhatsApp (11) 93352-3355. Nos vemos a partir das 16h. Você pode acompanhar pelo vídeo abaixo ou diretamente em nosso canal do YouTube.

Se você também tem um trabalho de conclusão de curso de pós-graduação (especialização, MBA, mestrado ou doutorado), com foco em saúde suplementar, nas áreas de Economia, Direito e Promoção de Saúde e Qualidade de Vida, capaz de ajudar no aperfeiçoamento do setor, inscreva-se, gratuitamente, até 15 de setembro. Veja o regulamento completo.

Webinar IESS – Categoria Economia do Prêmio IESS auxilia no desenvolvimento do setor

Setembro 2020
Salvar aos favoritos Compartilhar

Como atravessar esse momento de crise sanitária? Como lidar com as questões relacionadas à economia do segmento de saúde neste momento e após a pandemia pelo novo Coronavírus? Como a regulação pode ajudar no desenvolvimento do setor? O Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar converge a produção acadêmica com o conhecimento do mercado para aprimorar o segmento e criar ferramentas para seu desenvolvimento.

Para falar dos diferentes aspectos da economia e sustentabilidade deste setor, reunimos especialistas renomados e premiados em nosso próximo webinar “Propostas do Prêmio IESS para assegurar a sustentabilidade do setor em tempos de crise” que acontece em 10 de setembro, às 16h.

Com medição de José Cechin, superintendente executivo do IESS, contaremos com a participação de Antonio Carlos Campino, professor da FEA-USP e avaliador da categoria Economia do Prêmio IESS; Marília Raulino Jácome, vencedora em 2018, Head da G-Sin (Startup de Gestão de Riscos na Saúde) e doutoranda em Ciências Contábeis (UFPB); e Luís Carlos Moriconi, vencedor em 2017, gerente atuarial na Unimed Fesp, atuário e mestre em economia (UFRGS).

Veja agora como participar - www.iess.org.br/eventos

Você também já pode acessar o link da transmissão abaixo e adicionar o lembrete para não correr o risco de perder. Acesse!

Ah, se você tem interesse em figurar nesta seleta lista de laureados na premiação, não perca tempo, veja agora como participar do X Prêmio IESS. Podem ser inscritos trabalhos de conclusão de curso de pós-graduação (especialização, MBA, mestrado ou doutorado), ou artigo científico com foco em saúde suplementar, nas áreas de Economia, Direito e Promoção de Saúde e Qualidade de Vida, inscreva-se gratuitamente até 15 de setembro. Veja o regulamento completo

A premiação também conta com espaço para a exibição de pôsteres de trabalhos, importante painel para apresentar a sua pesquisa. Veja os resumos dos trabalhos apresentados aqui.